Cultura que se come


Campanha encabeçada pelo chef Alex Atala e projeto de lei na Câmara dos Deputados colocam em pauta o debate sobre a inclusão da gastronomia na Lei Rouanet.

No último domingo (18/1), centenas de pessoas passaram pela rua da galeria Choque Cultural, na Vila Madalena, em São Paulo (SP), para o evento “Gastronomia é Cultura que se Come”. Iniciativa do Instituto ATÁ, em parceria com a feira gastronômica O Mercado e a Choque, o evento reuniu chefs de cozinha reconhecidos em prol da campanha Eu Como Cultura. O objetivo era angariar assinaturas para o manifesto que deve ser enviado ao Congresso Nacional.

Clique aqui para ler em Cultura e Mercado.

CATEGORIAS
TAGS

© 2018 Laboratório Sociocriativo